1500 juristas pedem o impeachment de Jair Bolsonaro, diz revista

 1500 juristas pedem o impeachment de Jair Bolsonaro, diz revista

Um grupo formado por cerca de 1500 juristas ex-alunos da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo apresentou um pedido de impeachment contra o presidente da República, Jair Bolsonaro, ontem (20). Atualmente, Bolsonaro é alvo de mais de 60 pedidos de cassação, que estão na gaveta de Rodrigo Maia, deputado que preside a Câmara dos Deputados. A informação é da Carta Capital.

De acordo com a revista, os signatários argumentam que Bolsonaro fez declarações mentirosas durante a pandemia, contrariou a ciência, propagandeou “pseudotratamentos” de forma criminosa, atacou o Judiciário e a imprensa, faltou com responsabilidade no fornecimento de oxigênio a Manaus e se omitiu em planos e decisões para conter a pandemia do novo coronavírus.

Ainda segundo a reportagem, para os juristas, essas ações confrontam o que está previsto na Constituição, em relação à garantia da promoção do bem aos brasileiros. Eles pedem que os candidatos à presidência da Câmara, Baleia Rossi (MDB-SP) e Arthur Lira (PP-AL) se comprometam com a pauta, para “recompor a normalidade” no comando do Executivo.

Tiago Lopes

Sou Jornalista, formado no início de 2020. Mantenho o Ler Agora desde dezembro de 2018. Escrevo sobre política. Siga no Twitter: @tiagolopes_jorn

Outras Notícias

Criado por: Inove Criações