A Operação Sombra e Escuridão, deflagrada pelo Ministério Público Federal (MPF) em Ilhéus/Itabuna (BA), denunciou 13 pessoas por falsidade ideológica, organização criminosa e corrupção ativa/passiva pelo desvio de valores aproximados a R$ 30 milhões por meio de empresas irregulares e licitações e contratos públicos fraudados, a denúncia foi feita no dia 08/02.

Segundo o MPF, as ações ocorrem em pelo menos 7 cidades, os crimes ocorrerem entre os anos de 2013 a 2018, os recursos desviados provinham das áreas da saúde e educação. O MPF aguarda que a Justiça Federal receba a denúncia para que seja instaurada a respectiva ação penal, a qual pode resultar na condenação e na aplicação das penas cabíveis aos denunciados.

Os municípios afetados pelas licitações que são investigadas pelo MPF são, Ilhéus, Valença, Wenceslau, Guimarães, Inirapitanga, Camamu, Ubaitaba, Ituberá, Maraú, Igrapiúma, Pirai do Norte, Ibirataia, Ubatã, Nazaré e Eunápolis.

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s