Foi divulgado no Diário Oficial da Bahia, no dia 19/02, sob decreto número 18.923, a informação de que 2 lotes de terra, localizados no município de Ruy Barbosa, sofrerão desapropriação a favor da EMBASA, para a construção de poço artesiano. O texto assinado pelo governador do Estado, Rui Costa, autoriza a desapropriação imediata das terras em questão.

Os decretos prevêem pagamento de indenização de acordo com a disponibilidade de verba por parte da empresa, sem levar em conta o valor real da área desapropriada. A Empresa Baiana de Águas e Saneamento (embasa) fica autorizada a tomar medidas administrativas e judiciais, se necessário, em caráter de urgência.

As desapropriações são declaradas como medidas de “utilidade pública”, dessa forma, a Fazenda Monte Verde, situada no povoado de Coloboró, tem desapropriada cerca de 1km de suas terras para implantação do poço interligado sistema de águas de Tapiraípe.

Anúncios