A Revista Veja publicou em seu site, como conteúdo exclusivo para assinantes, uma matéria na qual dizia que o ministro Sérgio Moro estaria incomodando a vizinhança em Brasília, dentre os motivos para o suposto incomodo estariam a “presença ostensiva da polícia” e a “iluminação das sirenes”.

Após a repercussão do caso, uma vizinha do ministro, que mora na quadra SQS 207, informou através de nota que o ministro reside com “muita humildade e simplicidade”, exigindo uma retratação da Revista Veja, a qual diz ter publicado uma informação “falaciosa”, sem dispor de uma “fonte formal”.

O Ler Agora constatou que a matéria original da Veja foi publicada no dia 20/02 e teve seu conteúdo atualizado às 10:41h de ontem (22/02). Confira na íntegra a nota divulgada por Lucília Barbosa Maia, prefeita da quadra residencial onde o ministro reside.

Prezados Redatores da VEJA,

Sou Lucília Barbosa Maia, Prefeita da SQS 207, Quadra residencial da Brasília, onde o Ministro Moro, com muito humildade e simplicidade reside.

Por meio desta, e na qualidade de Prefeita eleita da Quadra, representando, portanto, os moradores e a comunidade local, venho REPUDIAR a matéria escrita no site da revista VEJA, sobre SUPOSTOS INCÔMODOS do Ministro da Justiça, Sergio Moro.
A informação é falaciosa, deselegante, mentirosa e sem NENHUMA fonte formal.
Ao contrário do que descreveram, o ilustre vizinho é por demais discreto e quase passa despercebido do local onde reside.
Os seguranças, por sua vez, são altamente distintos e profissionais, e nunca geraram nenhum desconforto na quadra.
A PREFEITURA DA SQS 207 é atuante, possui uma equipe muito participativa e preocupada com o bem-estar da comunidade. E nesta última semana tivemos várias reuniões com a PMDF para operacionalizar uma onda de assaltos que os moradores e lojistas tem tido. A PREFEITURA possui vigilância OSTENSIVA na quadra, uma rede social que interliga os moradores com a polícia, a fim de evitar os crimes que tem ASSOLADO a Capital da República.
Portanto, NA QUALIDADE DE REPRESENTANTE OFICIAL DA SQS 207, PEÇO A RETRATAÇAO DA FALSA E TENDENCIOSA MATÉRIA, que em NADA INFORMOU DE PRODUTIVO E HONROSO AO NOSSO PAÍS.”

Print do site da Veja:

Captura de tela – matéria no site da Veja
Anúncios