O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, disse que seu país é palco de uma luta entre duas forças ideológicas opostas, o capitalismo e o socialismo.

“Fomos colocados no centro de uma batalha global entre o socialismo do século 21 e o velho capitalismo neoliberal — estamos no meio dessa batalha”, disse Maduro em uma reunião com os trabalhadores das indústrias.
O presidente acrescentou que, na quarta-feira, ele deu a ordem para assinar os contratos coletivos que estão pendentes em todas as empresas públicas.

Maduro não se referiu à paralisação de funcionários públicos dos sindicatos e da oposição.

Ele acrescentou que “um dos pontos fortes da revolução bolivariana é o poder dos trabalhadores, (…) poder sindical que temos, que é devastador, e se nos procuram para uma luta, que se preparem para uma grande derrota da oligarquia e da direita golpista”.

Por outro lado, Maduro anunciou a assinatura de uma aliança de mineração com a Palestina e 154 acordos com organizações de mineração artesanal para a produção de diamantes.

Na terça-feira, o líder da oposição, Juan Guaidó, se reuniu com representantes de sindicatos de funcionários públicos e anunciou após a reunião que o sindicato propôs uma greve para acabar com o Governo da Maduro.

Por: Sputnik News Brasil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s