Em visita oficial aos Estados Unidos, na capital Whasington o presidente Jair Bolsonaro visita hoje pela manhã (18) a Agência Central de Inteligência (CIA). O programa não consta na agenda presidencial e segundo informação da assessoria, é um “compromisso privado”.

O anúncio foi feito pelo filho do presidente, o Deputado Eduardo Bolsonaro (PSL), no twitter, “É uma ótima oportunidade de conversar sobre temas internacionais da região, com técnicos e peritos do mais alto gabarito”, informou. Em outras palavras, o presidente do Brasil terá uma reunião a portas fechadas com membros da CIA.

Um dos objetivos da visita é estreitar os laços entre o Brasil e Estados Unidos. Jair Bolsonaro espera reafirmar o compromisso com a democracia, liberalismo econômico, acordos econômicos e geográficos, como a Base de lançamentos aeroespaciais em Alcântara, além de discutir as questões relativas a crise da Venezuela.

Atualização:

Segundo nota divulgada pelo Planalto, dentre os assuntos da reunião, a qual o presidente Bolsonaro esteve presente, na CIA, estão questões de combate ao crime organizado e o narcotráfico.

Anúncios