Durante a campanha eleitoral de 2018, Bolsonaro havia afirmado que iria transferir a embaixada de Tel-Aviv para Jerusalém, mas voltou à trás.

Em seu primeiro dia de visita oficial a Israel, o presidente Jair Bolsonaro anuncia, em declaração conjunta com o primeiro ministro Netanyahu do país árabe, hoje (31), que o Brasil abrirá um escritório diplomático, o qual terá por objetivo a promoção do comercio, intercambio em inovação e tecnologia e investimentos entre os países, na cidade de Jerusalém. Netanyahu por sua vez diz que ”abençoa” a decisão do governo brasileiro em abrir o escritório, mas frisa que espera a transferência da embaixada ”assim que possível”.

Os governos brasileiro e israelense também firmaram 6 acordos de cooperação, nas áreas de defesa, segurança pública, ciência e tecnologia, serviços aéreos e segurança cibernética, Israel anunciou apoio a entrada do brasil na OCDE. ”As parcerias e acordos que assinamos serão benéficos para os nossos povos”, diz Bolsonaro.

 

Imagem reprodução: Twitter do Jair Messias Bolsonaro.

Anúncios