O ministro da justiça, Sérgio Moro, afirmou nessa sexta-feira (5), através do twitter, que no âmbito do pacote Anti Crime, alterou o artigo 185 do Código de Processo Penal (CPP). A partir de agora, as audiências com os réus serão feitas prioritariamente por vídeo conferência.

Segundo o ministro, o deslocamentos de presos expõe os policiais ao risco e acarreta em custos altíssimos sem necessidade. “O Estado de São Paulo gastou mais de 71 milhões com escoltas de presos em 2018. O Espírito Santo, mais de 13 milhões. Pernambuco, mais de 10 milhões”, afirma.

Moro afirmou que ele próprio já fez várias vídeoconferência e que não há problema com o método.

“O MJSP pode ajudar, com o FUNPEN, a equipar presídios com aparelhos de videoconferência”. “Precisamos mudar a lei para ajudar os juízes em suas decisões.[…] Essa é uma das medidas propostas no projeto anticrime. Falo de outras depois”, informa o ministro.

Anúncios

1 comentário »