Em entrevista ao site O Antagonista, o deputado Bibo Nunes (PSL-RS) afirmou que a bancada do partido do Planalto ficou “mais unida” após a aprovação da reforma da previdência na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

Segundo o deputado a aprovação passou a ideia que o ‘time’ está ganhando e “todo mundo quer estar no time que está ganhando”. Nunes não foi escolhido para representar o PSL na Comissão Especial sobre a previdência, ele avalia que se deve a “não conheço muito bem o regimento interno. Por isso não me colocaram como titular”, afirma.

Anúncios