O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, afirmou hoje (14), em evento na sede do Ministério, que o governo irá apresentar uma Medida Provisória (MP), com o intuito de facilitar a venda de bens confiscados de pessoas envolvidas em processos relativos ao tráfico de drogas.

“Estamos com uma Medida Provisória no forno, para apresentar ao Congresso Nacional, que traz medidas pontuais relacionadas à gestão de ativos no âmbito do tráfico de drogas, para facilitar a venda de bens pela Secretaria Nacional de Políticas Sobre Drogas (Senad)”. O ministro espera fazer uso do recurso antes mesmo do final do trânsito em julgado.

Em 2017 a Polícia Federal apreendeu mais de R$ 664 milhões em bens de traficantes, como carros, dinheiro, mansões e fazendas. Essas propriedades são usadas para ocultar crimes e ficam em nomes de laranjas.

De acordo com o G1, a lei já permite a venda antes do julgamento, é a chamada alienação antecipada, mas a decisão demora meses, os juízes normalmente cuidam de 10 mil ou mais processos ao mesmo tempo.

Anúncios