Na terça-feira (14), o deputado Federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), presidente da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional da Câmara dos Deputados, disse que o Brasil precisa desenvolver a Bomba Atômica para garantir a paz e afirmou ainda que, o “politicamente correto” o impede de falar sobre uma possível guerra com a Venezuela.

“Se nós tivéssemos um efetivo [militar] maior, talvez fôssemos levados a sério pelo [presidente / ditador da Venezuela] Maduro, ou temidos pela China e pela Rússia”, declarou.

“São bombas nucleares que garantem a paz entre Paquistão e Índia, Como seria a relação dos países se só um tivesse a bomba a atômica? Quando um desenvolveu a bomba nuclear, o outro desenvolveu no dia seguinte e ali está selada, ao menos minimamente, uma espécie de paz. Eu sou entusiasta dessa visão”.

No entanto, segundo o deputado o Congresso não debate esse assunto no momento. O Brasil é um dos 189 países que assinaram o tratado de não proliferação de Armas Nucleares, o descumprimento do acordo traria sanções e danos a economia brasileira.

O deputado ainda lembrou que o Brasil possui submarinos nucleares em estágio de desenvolvimento e afirmou que se já estivessem prontos o país teria um poder bélico e autonomia dentro da água muito maior.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s