O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), afirmou neste sábado (1), usando sua conta no Twitter, que a reforma da previdência é “prioridade zero”. Segundo ele, os senadores estão “preparados” para fazer a votação no Senado.
Atualmente o texto aguarda parecer da Comissão Especial de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados.

Os mais desatentos podem interpretar como se a proposta não tivesse prioridade, por causa do uso do zero (no sentido de nulidade, sem importância). Por convenção, os assuntos de máxima prioridade são os “primeiros”.

“A reforma da previdência é prioridade zero, é a mãe de todas as demais reformas necessárias para o Brasil, e estamos preparados para recebê-la e votá-la no Senado Federal logo que terminar a tramitação na Câmara dos Deputados”.

Anúncios