Em sessão conjunta no Congresso Nacional, nesta terça-feira (11), o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, afirmou que o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, terá de dar explicações, sobre o vazamento de mensagens entre ele e promotores da Lava Jato, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, na próxima quarta-feira (19).

A data foi confirmada pela presidente da CCJ, a senadora Simone Tabet (MDB-MS). Segundo Alcolumbre, Moro se colocou a disposição do Senado para prestar esclarecimentos sobre a operação Lava Jato.

Anúncios