O jurista Modesto carvalhosa se manifestou nesta terça-feira (25), em rede social, contra a anulação do caso Triplex e a consequente soltura do ex-presidente Lula, condenado pela Lava Jato, “seguiremos firmes e vigilantes e, se preciso, retornaremos às ruas quantas vezes forem necessárias”.

Foto: Edson Rodrigues / Agência Senado

Carvalhosa afirmou que a população está farta da corrupção e que o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, “Se enganana” em pensar que a mobilização da “cidadania estaria enfraquecida” ao marcar o julgamento para depois do recesso.

Anúncios