Uma loja da Havan, do empresário Luciano Hang, foi alvo de protestos do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto, nesta quinta-feira (4), em São Paulo. A intenção é criticar a dívida de R$ 168 milhões do empresário com o fisco brasileiro e o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Guilherme Boulos, líder do MTST comemorou a ação nas redes sociais.

“É preciso expor a hipocrisia de caloteiros que defendem a reforma da previdência”, declara.

Anúncios