Os acusados de matar a vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ) e o motorista Anderson Gomes, foram transferidos da penitenciária Federal de Mossoró (RN), para a penitenciária Federal de Porto Velho, em Rondônia. Noticiou O Globo.

A operação, deflagrada neste domingo (7), teve por objetivo evitar uma possível fuga dos presos Ronnie Lessa (PM reformado) e Élcio Queiroz (ex-PM). Eles são apontados pelo Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) como os assassinos da vereadora.

Anúncios