O presidente da Fundação Cultural Palmares, Vanderlei Lourenço Francisco, reconheceu, nesta quinta-feira (18), que a comunidade Família Souza, localizada em Belo Horizonte (MG), é remanescente de quilombo.

A decisão foi publicada em portaria no Diário Oficial da União (DOU) pelo Ministério da Cidadania.

Anúncios