Atila Iamarino sofre ataques e é defendido por internautas: ‘obrigado Atila’

 Atila Iamarino sofre ataques e é defendido por internautas: ‘obrigado Atila’
Digiqole ad

O doutor em microbiologia pela USP, Atila Iamarino, passou a ser alvo de ataques da extrema-direita após a previsão de um milhão de mortos por Covid-19 no país não se concretizar.

Os ataques, coordenados, afirmam que o biólogo apenas quis causar pânico e progagou “fake news”, visto que o número de quase 100 mil mortos é inferior aos possíveis um milhão.

Os ataques ignoram que, no vídeo, Iamarino divulgou um estudo do Imperial College que afirmava que se o Brasil não tomasse nenhuma medida para conter a pandemia, alcançaria a marca de um milhão de mortos. Entretanto, apesar do negacionismo do governo federal, o Brasil tomou diversas medidas para conter a Covid-19, ainda que insuficientes e sem apoio total da população.

Vale ressaltar que o presidente Jair Bolsonaro participou de protestos pró-governo, minimizou o novo coronavírus e vem causando inúmeras aglomerações. As últimas foram no Piauí e na Bahia, dias atrás.

Por outro lado, internautas que seguem o isolamento social, como recomenda a Organização Mundial da Saúde (OMS), subiram a tag “Obrigado Atila” em agredecimento às divulgações científicas feitas por ele.

Tiago Lopes

Sou Jornalista, formado no início de 2020. Mantenho o Ler Agora desde dezembro de 2018. Escrevo sobre política. Siga no Twitter: @tiagolopes_jorn

Outras Notícias

Criado por: Inove Criações