Atividade escolar em colégio da Bahia ironiza Bolsonaro e causa polêmica

 Atividade escolar em colégio da Bahia ironiza Bolsonaro e causa polêmica
Digiqole ad

Uma atividade escolar para alunos do oitavo ano da rede municipal de Ipiaú, na Bahia, tem causado polêmica. Os exercícios, passados por um professor do Colégio Municipal Ângelo Jaqueira ironizavam o presidente Jair Bolsonaro.

As imagens do caderno de exercícios passaram a circular nas redes sociais nesta quarta-feira (9). Em uma das questões, uma charge ironiza: “vai um suquinho de laranja, presidente?”, em referência ao caso Fabrício Queiroz, que envolve um dos filhos do presidente, o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), informa o Bnews.

Imagem reprodução

“Por ser funcionário do gabinete de Flávio Bolsonaro, filho do presidente, quando era deputado pelo Rio de Janeiro, Queiroz e considerado laranja de Flavio”, diz uma das alternativas da questão.

Em outra charge contida na atividade, Bolsonaro é ilustrado com balões a dizer que o “coronavírus é fantasia, vai ter festinha do meu aniversário, taokey?”.

A prefeitura da cidade foi acusada de “doutrinação ideológica” pelos apoiadores de Bolsonaro. O secretário de Educação de Ipiaú, Alan Márcio Vitorino, afirmou ao jornal que o caso está sendo apurado.

Imagem reprodução

Vale dizer que, no cenário político, Bolsonaro é alvo de críticas por causa de seu compromisso negacionista sobre a pandemia de Covid-19. Doença que já matou mais de 60 mil brasileiros em menos de cinco meses.

Tiago Lopes

Sou Jornalista, formado no início de 2020. Mantenho o Ler Agora desde dezembro de 2018. Escrevo sobre política. Siga no Twitter: @tiagolopes_jorn

Outras Notícias

Criado por: Inove Criações