Biden admite que trabalhará para acabar com pena de morte nos EUA

 Biden admite que trabalhará para acabar com pena de morte nos EUA

Gage Skidmore de Peoria, AZ, Estados Unidos da América

Digiqole ad

Eleito presidente dos Estados Unidos, o democrata Joe Biden é contra a pena de morte e admite que vai trabalhar para acabar com a prática no país. Biden “se opõe à pena de morte agora e no futuro”, declarou o porta-voz, neste sábado (21), sem esclarecer se as execuções serão imediatamente suspensas quando houver assumir o cargo.

A declaração acontece após o Departamento de Justiça programar três execuções em nível federal antes da posse do democrata, em 20 de janeiro de 2021, segundo informações da Associated Press (AP).

De acordo com os documentos oficiais, as exceções devem ocorrer em 11 de dezembro e 14 e 15 de janeiro.

Tiago Lopes

Sou Jornalista, formado no início de 2020. Mantenho o Ler Agora desde dezembro de 2018. Escrevo sobre política. Siga no Twitter: @tiagolopes_jorn

Outras Notícias

Criado por: Inove Criações