“Bolsonaro terá que parar de fazer drama e trabalhar”, diz Paschoal

Digiqole ad

“Parem as convocações, as pessoas precisam de um choque de realidade, não tem sentido, raciocinem”

A Deputada Estadual Janaina Paschoal, fez uso do Twitter, neste domingo (19), para criticar as manifestações em apoio à Bolsonaro marcadas para o dia 26.

A deputada afirma que apesar de estar sendo cobrada para apoiar os protestos, não irá “gravar áudios, nem vídeos, por um razão: essas manifestações não tem racionalidade”.

Bolsonaro foi eleito para governar, dentro dos princípios democráticos, respeitando a Constituição Federal, “propositalmente, ele está confundido as discussões democráticas com toma-lá-dá-cá”, escreve Paschoal.

A deputada criticou ainda os deputados eleitos, que segundo ela, não tem capacidade para convencer os colegas “legitimamente eleitos” e instigam o caos na sociedade.

Para Paschoal, Bolsonaro está fazendo terrorismo “onde não há e deixando as pessoas apavoradas, escrevendo que nosso presidente corre risco”.

E disse mais:

“Mas quem o está colocando em risco é ele, os filhos dele e alguns assessores que o cercam. Acordem! Dia 26, se as ruas estiverem vazias, Bolsonaro perceberá que terá que parar de fazer drama para Trabalhar”.

Por último, Paschoal ressaltou a qualidade dos ministérios do governo e pediu para que se enfrente os adversários políticos na base argumentativa, “há tempos, não temos um Ministério tão bom! Profissionais de ponta, nas pastas adequadas, orientados por boa teoria, bons valores, com experiência prática”. E o Presidente gerando o caos?”, questiona a deputada.

Tiago Lopes

Sou Jornalista, formado no início de 2020. Mantenho o Ler Agora desde dezembro de 2018. Escrevo sobre política. Siga no Twitter: @tiagolopes_jorn

Outras Notícias

Criado por: Inove Criações