Forças do regime militar de Mianmar matam mais de 100 pessoas em protesto, incluindo crianças

 Forças do regime militar de Mianmar matam mais de 100 pessoas em protesto, incluindo crianças

Imagem ilustrativa

Policiais e militares do Mianmar abriram fogo contra manifestantes que protestavam neste sábado (27) — no dia mais violento desde o golpe de estado no país, em 1º de fevereiro. De acordo com o site de notícias locais Myanmar Now, o número de mortos na repressão chegou a 114. Entre as vítimas, há crianças. A informação é do G1.

A publicação informa que os manifestantes foram às ruas no Dia das Forças Armadas no país. Durante um desfile na capital Naypyitaw, o chefe militar Min Aung Hlaing disse que os “militares protegem o povo e lutam pela democracia”.

Tiago Lopes

Sou Jornalista, formado no início de 2020. Mantenho o Ler Agora desde dezembro de 2018. Escrevo sobre política. Siga no Twitter: @tiagolopes_jorn

Outras Notícias

Criado por: Inove Criações