Guedes: ‘cartão vermelho de Bolsonaro no Renda Brasil não foi para mim’

 Guedes: ‘cartão vermelho de Bolsonaro no Renda Brasil não foi para mim’

Guedes

Digiqole ad

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que o cartão vermelho do presidente Jair Bolsonaro sobre o congelamento de aposentadorias para bancar o Renda Brasil, programa que iria substituir o Bolsa Família, não foi para ele.

“O cartão vermelho não foi para mim. Conversei com o presidente hoje cedo. Conversamos sobre as notícias dos jornais. Eu lamentei muito essa interpretação porque, na verdade, tem uma PEC falando justamente em devolver a classe política brasileira o comando sobre os orçamentos públicos”, declarou o ministro.

Em vídeo publicado nas redes sociais, nesta terça-feira (15), Bolsonaro “proibiu” a discussão sobre a criação do novo programa. “Até 2022, no meu governo, está proibido falar a palavra (sic) Renda Brasil. Vamos continuar com o Bolsa Família e ponto final”.

Tiago Lopes

Sou Jornalista, formado no início de 2020. Mantenho o Ler Agora desde dezembro de 2018. Escrevo sobre política. Siga no Twitter: @tiagolopes_jorn

Outras Notícias

Criado por: Inove Criações