Imprensa internacional repercute enfermeiros que aplicam ‘vacina de vento’ no Brasil

 Imprensa internacional repercute enfermeiros que aplicam ‘vacina de vento’ no Brasil

Imagem ilustrativa / João Viana/Prefeitura de Manaus

O conceituado jornal britânico The Guardian repercutiu as notícias de que enfermeiros (as) brasileiros (as) estão fingindo vacinar a população ao aplicar seringas sem os imunizantes.

“Casos do que a mídia local está chamando de “vacinação de vento” foram relatados em quatro estados, aumentando os problemas do programa de imunização travado e descoordenado do país”.

“A polícia anunciou uma investigação criminal na quarta-feira, em meio a especulações de que as enfermeiras eram teóricas da conspiração antivacina ou embolsavam vacinas para serem vendidas no mercado negro”.

“Brasil já teve um programa de imunização de renome mundial para doenças como sarampo, poliomielite, varíola e tétano, mas enfrentou uma série de contratempos na distribuição de vacinas contra o coronavírus”, relata o jornal.

“Nos últimos dias, surgiram milhares de relatos de pessoas pulando a fila para receber vacinas antes de grupos prioritários, enquanto as campanhas de desinformação antivacinas também ganharam força, atingindo até mesmo aldeias indígenas remotas na Amazônia”.

Tiago Lopes

Sou Jornalista, formado no início de 2020. Mantenho o Ler Agora desde dezembro de 2018. Escrevo sobre política. Siga no Twitter: @tiagolopes_jorn

Outras Notícias

Criado por: Inove Criações