Moraes: ‘não vamos mais aceitar que as redes sejam terra de ninguém’

 Moraes: ‘não vamos mais aceitar que as redes sejam terra de ninguém’

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF) participou do webnário Eleições 2022 e Desinformação no Brasil, elaborado pela FGV, nesta segunda-feira (22).

Ele defendeu a aplicação das leis em geral também na internet e redes sociais como forma de coibir abusos e discursos de ódio no meio digital. Segundo o ministro, o desafio atual é “impedir que as milícias digitais desacreditem o estado de direito e interfiram nas eleições de 2022”.

“Precisamos combater esse grupos e evitar o retorno de um discurso profissional fascista e de ódio”

O relator do inquérito das fake news disse ainda ter idenficado diversos núcleos que integram as organizações criminosas e de discursos de ódio. O primeiro núcleo é o de produção do conteúdo, o segundo fica responsável por difundir as peças criadas, o terceiro grupo é composto por políticos que atacam a democracia e o quarto núcleo é o de financiamento, do qual fazem parte empresários com objetivos eleitoreiros.

Tiago Lopes

Sou Jornalista, formado no início de 2020. Mantenho o Ler Agora desde dezembro de 2018. Escrevo sobre política. Siga no Twitter: @tiagolopes_jorn

Outras Notícias

Criado por: Inove Criações