‘Rachadinha’: Flávio Bolsonaro entra com notícia-crime contra Bonner e Renata

 ‘Rachadinha’: Flávio Bolsonaro entra com notícia-crime contra Bonner e Renata

A defesa do senador Flávio Bolsonaro protocolou uma notícia-crime contra os jornalistas William Bonner e Renata Vasconcellos por terem noticiado o andamento das investigações envolvendo o esquema de “rachadinha”.

A notícia-crime foi protocolar na Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática, no Rio, para que se investigue o suposto crime de desobediência. Segundo a defesa, o jornal descumpriu a ordem judicial que impedia a divulgação de detalhes do caso que envolve o senador Flávio Bolsonaro.

A TV Globo apresentou informações sobre o depoimento de Luiz Souza Pães, ex-assessora de Flávio Bolsonaro, que admitiu integrar o esquema de rachadinha e de ter repassado partes de seu salário para Fabrício Queiroz, que seria o operador das rachadinhas.

Ler depoimento serviu como base para a denúncia do MPRJ por crime de organização criminosa, lavagem de dinheiro e peculato contra Flávio, Queiroz e outros 15 investigados.

Apesar de ser um assunto de interesse público, a juíza Cristina Serra Feijó, da 33ª Vara Cível do Tribunal de Justiça do Rio (TJ-RJ) proibiu a emissora de veicular qualquer informação sobre o caso que teria ocorrido no gabinete do então deputado Flávio Bolsonaro.

Tiago Lopes

Sou Jornalista, formado no início de 2020. Mantenho o Ler Agora desde dezembro de 2018. Escrevo sobre política. Siga no Twitter: @tiagolopes_jorn

Outras Notícias

Criado por: Inove Criações