‘Só vejo acúmulo de mortes’, diz Mandetta sobre militares na Saúde

 ‘Só vejo acúmulo de mortes’, diz Mandetta sobre militares na Saúde
Digiqole ad

O ex-ministro da Saúde, Luiz Mandetta, criticou a interferência feita pelo presidente Jair Bolsonaro no Ministério da Saúde, que está tutelado pelos militares e é liderado pelo general Eduardo Pazuello.

Durante transmissão de debate feito pela Istoé no último sábado (11), Mandetta também disse que a tentativa de alterar a forma como os dados são derrubados fez a pasta perder credibilidade. “Eu só vejo acúmulo de mortes nessa política que está sendo feita”.

Para o ex-ministro, Bolsonaro camufla a falta de políticas do governo no combate à Covid-19 ao focar em divulgar remédio sem eficiência comprovada cientificamente. “Quando ele lança a cloroquina, faz as pessoas ficarem nessa discussão, para esquecer a discussão verdadeira. Faz a massa não debater o real problema: ausência total de política do governo federal”.

Tiago Lopes

Sou Jornalista, formado no início de 2020. Mantenho o Ler Agora desde dezembro de 2018. Escrevo sobre política. Siga no Twitter: @tiagolopes_jorn

Outras Notícias

Criado por: Inove Criações